Welcome

Delete this widget from your Dashboard and add your own words. This is just an example!

23/09/08

quinta-feira, 22 de setembro de 2011


Meu anjinho, quanto tempo se passou não é? Amanha completam mais anos que você se foi, você sabe o quanto é doloroso para mim? Quero dizer, o quanto ainda dói saber que você não vai mais voltar? Sabe, eu passei muito tempo me enganando, dizendo que não podia ser verdade, que as coisas realmente acontecem por algum sentido, mais de 3 anos de passaram, e eu ainda não acho um motivo que realmente explique o porque que você se foi. 
Se quer saber, eu sempre visitava teu tumulo, com lágrimas nos olhos, olhava teu nome escrita naquela lápide, e doía, doía tanto, eu ia lhe visitar achando que você estaria lá, me esperando, para rir comigo, falar besteiras e comer chocolate até passar mal, como nós costumávamos fazer, era ridiculamente doloroso saber que você não estaria a minha espera, que não íamos mais rir daquelas coisas que costumávamos rir antes, que não íamos mais no supermercado de pijama, o que mais machucava era saber que muito mais do que perder alguém, eu perdi meu melhor amigo, meu confidente, meu anjinho, o meu melhor amigo. 
 Sei que este é um momento terrível para mim. Tento não pensar no dia em que soube da noticia, tento esquecer das noites em que te vi chorar de dor, tento me perdoar pela despedida nunca dada. As vezes eu ainda me pego, revirando nossas fotos antigas, nossos videos que fizemos na praia, você se lembra, daquela tarde aonde passamos o dia inteiro na praia tentando fazer um castelinho de areia? Você se lembra de como aquele dia foi divertido? Pois é, eu ainda me lembro, ainda mais das tuas palavras, dizendo que eu era a rainha e tu era o rei, daquele simples e pequeno castelinho de areia. 
Agente nunca acha que vai acontecer com agente né? Agente sempre sente pena e tristeza pelos outros que já perderam alguém, mas o duro é ter de aguentar a falta e a saudade de alguém que tanto amamos. Vou dar um conselho, o conselho de alguém que sabe o quanto dói sentir a falta de alguém que você nunca mais poderá ver: Se você ame alguém, diga. Se você quer abraçar alguém, abraçe. Se você quer se desculpar com alguém, se desculpe. Porque você nunca sabe quando essa pessoa pode ir embora, diga, antes que seja tarde demais.
Descanse em paz, meu amor.

0 comentários:

Postar um comentário